Administração Estratégica do CAPITAL DE GIRO

Gerar resultado consistentes no LONGO PRAZO representa um OBJETIVO fundamental para a maioria das empresas.

O sucesso de uma administração programada é proporcionar, além do crescimento sustentável ao longo do tempo, também a “remuneração do capital investido pelos acionistas” através da geração do FLUXO DE CAIXA OPERACIONAL da EMPRESA.

Manter relação consistente com cliente, fornecedores, governo, bancos e outros provedores de capital e obter resultados para o crescimento pessoal dos seus empregados e para o desenvolvimento da sociedade é fundamental que a EMPRESA possa operar e alcançar resultados expressivos!!!!

  • As origens de recursos: Para promover crescimento a empresa demanda de investimentos e necessita de obter recursos financeiros junto aos acionistas e às instituições financeiras e o resultado deste processo de captação determina a composição das fontes de recursos próprios (dos acionistas) e de terceiros (dos bancos), denominada a ESTRUTURA ÓTIMA DE CAPITAL.
  • Os investimentos dos recursos: Os recursos disponibilizados pelos provedores de capital (bancos e acionistas) são investidos na empresa, no seu CAPITAL DE GIRO (estoques, clientes e caixa operacional) e que deverão promover um retorno superior ao custo da capitação das suas “fontes de recursos”….

….Quando o retorno dos investimentos efetuados no CAPITAL DE GIRO é superior a taxa e captação dos recursos provenientes dos BANCOS e ACIONITAS… a empresa encontra-se num grau de alavancagem financeira positiva… indicando que a EMPRESA opera acima da linha do MERCADO e neste caso o risco financeiro é amenizado pela estrutura operacional na potencialidade da EMPRESA gerar CAIXA e remunerar adequadamente suas fontes de recurso..

Porém….quando o retorno dos investimentos no CAPITAL DE GIRO for inferior ao CUSTO DE CAPTAÇÃO BANCÁRIA a empresa encontra-se operando abaixo da linha de mercado, e portanto num grau de alavancagem financeira NEGATIVA e ao longo do tempo, o volume do endividamento poderá conduzir a EMPRESA a insolvência FINANCEIRA, prejudicando seu desempenho operacional.

Gostou da dica? deixe teu like e compartilhe com teus amigos

Prof. Alexandre Wander

Leia mais

Mais lidas

Últimos conteúdos